Dano Temporal: O Tempo Como Valor Jurídico 2ª Edição

Recomende a um amigo Adicionar aos meus livros
Em papel:
Artigo disponível, envio imediato.
R$ 120,00
Livro eletrônico*:
Disponível na versão pdf drm Nuvem de leitura disponível
R$ 96,00
Para visualizar os livros eletrônicos, você deve ter instalado Adobe Digital Edition no seu computador. Para saber mais, pressione aqui


"Sobre a estrutura deste livro, foram feitas modificações relevantes frente à sua edição anterior. Inicialmente, houve a divisão da obra em duas partes. Na primeira delas, são abordadas as teorias do dano temporal, a saber: a) desvio produtivo, b) dano moral em sentido amplo - que é seguida por mim -, e c) dano autônomo. Reconhece-se, portanto, a inexistência de unidade doutrinária sobre a base teórica do dano temporal, o que justifica o uso do termo no plural (teorias). Em sequência, na segunda parte do trabalho, são apresentados textos sobre as diversas aplicações do dano temporal, como na robochamada, nos descumprimentos de contratos planos de saúde, nas relações do particular com o Estado, nas relações médico-paciente e no âmbito processual. (...) Não se pode negar que o lançamento desta segunda edição da obra é consequência - além do amplo reconhecimento pelo mercado editorial -, do recebimento do prêmio Ada Pellegrini Grinover, em 2017, pelo Instituto Brasileiro de Política e Direito do Consumidor (BRASILCON), na modalidade melhor obra coletiva. Por tudo isso, espero que este livro continue sendo lido, estudado e citado, por estudiosos, doutrinadores, professores e julgadores, diante de sua inegável contribuição para o nosso Direito Privado Brasileiro." Flávio Tartuce (Doutor em Direito Civil pela USP. Professor Titular do programa de mestrado e doutorado da Faculdade Autônoma de Direito (FADISP). Coordenador e professor dos cursos de especialização da Escola Paulista de Direito (EPD). Advogado, consultor jurídico e parecerista. Autor de obras jurídicas).

 

"O dano resultante da perda do tempo é estudado com profundidade e afinco pelo talentoso grupo de pesquisadores reunido nessa publicação. Ao final da leitura, não restará dúvida ao leitor de que o tempo é valor na sociedade atual e compõe o dano ressarcível, especialmente (mas não exclusivamente) nas relações de consumo, de modo que a sua perda não pode mais ser qualificada como mero aborrecimento normal." Claudia Lima Marques (Profª. Titular da UFRGS e Coordenadora do Programa de Pós-Graduação da UFRGS. Drª. pela Uni. de Heidelberg, Alemanha. Mestre em Direito (L.L.M.) pela Uni. de Tübingen, Alemanha. Esp. em Direito Europeu pela Uni. do Sarre, Alemanha. Pesquisadora A1 e Coord. do Grupo de Pesquisas CNPq "Mercosul, Direito do Consumidor e Globalização". Presidente do Comitê de Proteção Internacional dos Consumidores, International Law Association (Londres) e Ex-Presidente da ASADIO - Asunción, Paraguay. Adv.)

"O (?) Dano temporal: O tempo como valor jurídico - constitui preciosa obra destinada a refletir sobre o tempo e suas consequências no campo do Direito. A construção de uma compreensão acerca da existência de um 'dano temporal' como categoria jurídica, capaz de responsabilizar adequadamente todo aquele que dispõe do tempo alheio de forma arbitrária e lesiva, constitui movimento que urge no Direito, considerada a consciência que adquirimos de seu valor. Trata-se de tema atual, contemporâneo, mas também universal e, curiosamente, atemporal." Amanda Flávio de Oliveira (Ex-Pres. do BRASILCON. Profª. decana de Direito Econômico da Fac. de Direito da UFMG. Doutora, Mestre e Esp. em Direito Econômico pela UFMG. Adv. e parecerista)

"(?) os autores buscaram, de maneira didática e ao mesmo tempo profunda, injetar novas discussões sobre um tema de certo modo ainda não explorado como deveria ser". Fernando Antônio Vasconcelos (Mestre e Doutor em Direito Civil - UFPE, prof., escritor, autor de livros sobre Direito do Consumidor e Responsabilidade Civil)

Digite um comentário
Livros escritos por